Livro “Fábulas de Esopo” “Aesop’s Fables” – 24 – Volume I

THE GOODS AND THE ILLS

T capitular

here was a time in the youth of the world when Goods and Ills entered equally into the concerns of men, so that the Goods did not prevail to make them altogether blessed, nor the Ills to make them wholly miserable. But owing to the foolishness of mankind the Ills multiplied greatly in number and increased in strength, until it seemed as though they would deprive the Goods of all share in human affairs, and banish them from the earth. The latter, therefore, betook themselves to heaven and complained to Jupiter of the treatment they had received, at the same time praying him to grant them protection from the Ills, and to advise them concerning the manner of their intercourse with men. Jupiter granted their request for protection, and decreed that for the future they should not go among men openly in a body, and so be liable to attack from the hostile Ills, but singly and unobserved, and at infrequent and unexpected intervals. Hence it is that the earth is full of Ills, for they come and go as they please and are never far away; while Goods, alas! come one by one only, and have to travel all the way from heaven, so that they are very seldom seen.

Ouça o texto clicando na seta abaixo

(se não apareceu ou para pessoa com deficiência visual aqui)

 

OS BONS E OS MAUS

H capitular

ouve um tempo no princípio do mundo quando Bons e Maus entravam igualmente nos interesses dos homens, de forma que os Bons não prevaleceram em torná-los completamente santificados, nem os Maus em torná-los completamente ruins. Mas devido à tolice do gênero humano os Maus multiplicaram-se grandemente em número e aumentaram em força, até que pareceu que eles privariam os Bons de toda a parte nos negócios humanos, e os baniriam da terra. Os últimos, então, dirigiram-se ao céu e reclamaram a Júpiter do tratamento que tinham recebido, ao mesmo tempo orando a ele para que lhes concedesse proteção dos Maus, e os aconselhasse sobre a forma de suas relações com os homens. Júpiter concedeu seus pedidos de proteção, e decretou que para o futuro eles não deveriam chegar entre os homens abertamente em grupo, e assim ficar suscetíveis ao ataque dos hostis Maus, mas isoladamente e despercebidos, e a intervalos infrequentes e inesperados. Por isso a terra está cheia de Maus, pois eles vêm e vão quando querem e nunca estão longe; enquanto os Bons, ai! Vem um por um somente, e tem que viajar todo o caminho do céu, de forma que eles são vistos muito raramente.

Ouça o texto clicando na seta abaixo

(se não apareceu ou para pessoa com deficiência visual aqui)

 

gofinho-voltar-amarelo<Índice>